4 de outubro de 2017

Juventude Indígena no Ceará se encontra em Poranga

Durante os dias 29, 30/09 e 01/10, jovens de todas as regiões do estado encontraram-se em Poranga-Ce. O Povo Tabajara, da Aldeia Cajueiro, recepcionou os quase 70 jovens com um bonito toré, cantos, muitos sorrisos e um coração enorme. O Encontro foi organizado por uma comissão da Juventude Indígena, pela Adelco, via projeto Urucum; pelo Esplar e União Europeia, com o apoio do Governo do Estado do Ceará.

As atividades aconteceram na escola indígena da comunidade e estiveram organizadas em rodas de conversa e oficinas. Entre os temas estavam: o que é ser jovem indígena, espiritualidade, gestão de projetos, comunicação, gênero e sexualidade, marco temporal e território. Em todas as atividades, jovens de diversas aldeias estiveram coordenando e mediando as discussões.

Antonia Kanindé participou da roda de conversa sobre o que é ser jovem indígena. Para ela é preciso pensar qual a atuação da juventude indígena e indaga: “O que os governos estão fazendo pela juventude? A gente já não tem direitos conquistados e ainda querem nos tirar o que a gente já tem”. Josiane Tapeba completa: “A gente tem que se unir pra se fortalecer. Nossa luta é para manter nossos direitos”.

Veja as fotos da atividade aqui.

 

II Encontro Estadual das Juventudes Indígenas

Data: 03,04 e 05 de novembro

Local: Aldeia Lagoa dos Tapebas – Caucaia-Ce

Acompanhe as novas informações no site.

 

Fonte: Comunicação Adelco

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *