6 de fevereiro de 2018

Adelco acompanha entrega das unidades habitacionais para o Povo Anacé

Weiber Tabepa profere discurso ao lado do Governador, Camilo Santana.

O Governador do Estado, Camilo Santana, realizou a entrega de 543 hectares de obras. Casas, posto de saúde, acesso viário, vias internas, além de sistemas de energia elétrica, iluminação pública, caixas d’água e poços profundos, esgotos e drenagem foram construídos no terreno. A solenidade contou a com a presença do presidente nacional da Funai, Franklimberg Ribeiro de Freitas.

Roberto Anacé e Adelle Azevedo

 

 

A Adelco acompanha as instituições indígenas no Ceará, dentre elas o Conselho Indígena do Povo Anacé, também por isso fez questão de acompanhar a entrega das obras. Adelle Azevedo, coordenadora de projetos da Adelco, esteve na solenidade e fala que o evento foi festivo, mas que é preciso ficar atento: “É preciso fazer um trabalho de viabilidade econômica dessas pessoas: onde e como tirarão suas fontes de renda? Além disso, é preciso fazer com que o povo Anacé se sita em casa, afinal, as memórias e as tradições estão muito ligadas à terra e isso não pode ser perdido”.

Conheça um pouco da luta dos Anacés
O Povo Anacé foi removido das suas terras, em São Gonçalo, para a construção do Complexo Industrial e Portuário do Pecém. As aldeias de Baixa das Carnaúbas, Matões, Corrupião e Bolso, do Povo Anacé, foram retiradas dos seus territórios, locais sagrados, das suas ancestralidades e sua memória afetiva, perdidos por causa da remoção.

A Adelco acompanha as 14 etnias indígenas, nos 18 municípios do Ceará, e realizou o Diagnóstico e Estudo de Linha de Base: projeto fortalecendo a autonomia político-organizativa dos povos indígenas. O documento registra, dentre vários números, a situação das terras indígenas no estado:

Reivindicadas: 25
Sem providências: 11
Em estudo: 06
Demarcada: 01
Declaradas: 05
Homologada: 01

A última terra demarcada é a dos Tapebas, em Caucaia, que agora passa pela homologação, passo este que depende da assinatura do presidente Michel Temer.

Franklimberg Ribeiro de Freitas, presidente nacional da Funai, realiza fala no evento.

O presidente Franklimberg Ribeiro de Freitas cumpre outras agendas nesta semana, no Ceará:
– 06/02 – reunião com os Anacé da Terra Indígena, a tarde
– 07/02 – reunião com os servidores na Funai – Coordenação Regional Nordeste 2

Fonte: Comunicação Adelco

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *